Google+ Followers

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Praticando redação


Antes da sugestão para a produção da redação, apresentamos o esquema da prova de redação do SSA - UPE/2013

SISTEMA SERIADO DE AVALIAÇÃO (SSA) – UPE/ 2013 

QUANTO À REDAÇÃO

 - SERÁ ATRIBUÍDA NOTA 0(ZERO) QUANDO: 
 . a folha de redação estiver identificada por assinatura, rubrica ou qualquer sinal identificador, .  a folha de redação estiver em branco,
 . houver fuga total do tema proposto e ao gênero dissertativo.

 - A REDAÇÃO ISOLADAMENTE, VALENDO DE 0 A 10 PONTOS:
 - NÃO serão corrigidas as redações dos candidatos que NÃO obtiverem pontuação mínima exigida na aprovação em qualquer uma das disciplinas componentes da prova do seu respectivo curso, incluindo a prova de Português. . Será eliminado nesta parte da prova, o candidato que não atingir o mínimo de 2 (dois) pontos.

 - NA AVALIAÇÃO DO TEMA PRODUZIDO, SERÃO CONSIDERADOS OS SEGUINTES CRITÉRIOS: 
 . Progressão no desenvolvimento das ideias e não contradição entre os argumentos apresentados.
 . Articulação entre as partes do texto.
 . Fuga a obviedade das ideias propostas.
 . Clareza e precisão.
 . Formulação linguística, segundo as regras (morfossintáticas, ortográficas, de pontuação) da norma padrão do português, considerando a nova reforma ortográfica.
 . Em caso de fuga parcial, quando houver desvio do eixo temático, a pontuação atribuída ao texto será reduzida, conforme critérios estabelecidos pela comissão de avaliação.

PROPOSTA DE REDAÇÃO DO SSA-UPE/2013 – 3º ANO

PROVA DE REDAÇÃO 

Nesta prova, há duas propostas temáticas para a sua redação. Você escolherá, apenas, um tema sobre o qual deve criar um título e produzir um texto dissertativo/ argumentativo com o no mínimo de 20 e no máximo de 30 linhas. Antes de fazer sua opção pelo tema, leia os fragmentos a seguir. Eles podem despertar ideias para desenvolver o seu trabalho. 

FRAGMENTO 1
Leão do Norte 
Lenine

 [...]Sou o coração do folclore nordestino 
Eu sou Mateus e Bastião do Boi Bumbá 
Sou o boneco do Mestre Vitalino 
Dançando uma ciranda em Itamaracá 
Eu sou um verso de Carlos Pena Filho 
Num frevo de Capiba
Ao som da orquestra armorial 
Sou Capibaribe
 Num livro de João Cabral 
Sou mamulengo de São Bento do Una Vindo no baque solto de Maracatu 
Eu sou um auto de Ariano Suassuna 
No meio da Feira de Caruaru 
Sou Frei Caneca do Pastoril do Faceta 
Levando a flor da lira Pra Nova Jerusalém 
Sou Luis Gonzaga 
E sou do mangue também 
Eu sou mameluco, sou de Casa Forte 
Sou de Pernambuco, sou o Leão do Norte... 

TEMA 1 
PERNAMBUCO: DO FUTURO ÉS A CRENÇA, A ESPERANÇA 

 FRAGMENTO 2 

Todos os filhos foram forjados na luta. Batendo na mesma bananeira da qual tiravam alimentação. Quando Esquiva desistiu do boxe e começou a vender drogas, ele não desistiu. Foi atrás, mostrando novamente para o filho que a única coisa que vale a pena na vida é esquecer os erros e continuar lutando. Acreditou nos filhos e acreditou que seus filhos fariam o milagre de ganhar a vida lutando no Brasil, apenas com seus ensinamentos. “Nunca tive uma vida fácil e dizia para todo mundo que eu não iria plantar batata ou milho. A minha lavoura seriam os meus filhos”. E ele conseguiu viver para ver o milagre. Os dois lutadores mais velhos, Yamaguchi e Esquiva, conseguiram vaga na equipe brasileira para os Jogos Olímpicos de Londres. Já era uma realização imensa. Já havia melhorado a vida de todos. Mas eles fizeram mais. Contaram a história mais inspiradora dos Jogos Olímpicos. Torceram um pelo outro e conquistaram medalhas. Não importa a cor delas. O milagre já está feito. O ciclo já está fechado. A história já está completa. 
Disponível em: http://www.portogente.com.br/texto.php?cod=69097 (Adaptado) 

TEMA 2
 INFLUÊNCIA DA FAMÍLIA NA CONSTRUÇÃO DA AUTOESTIMA DOS FILHOS 

Observe a redação do aluno Hélio Fernandes da Escola de Referência em Ensino Médio de Timbaúba – EREMT, estudante de Geografia na UPE, aprovado no vestibular/2013. Ele optou pelo primeiro tema. 

                                             O novo momento de Pernambuco 

         Sendo o estado que mais cresce no Brasil, Pernambuco está se tornando sinônimo de qualidade e desenvolvimento acelerado, título que não é de hoje, mas, que foi se perdendo com o tempo e agora está voltando mais forte do que nunca. 
        Capitania que gerou mais lucro, Pernambuco foi a principal província que encheu os cofres de Portugal e da Holanda no período Colonial, além de ser a mais desenvolvida até a chegada da família Real no Brasil, que transferiu a capital da colônia de Salvador para o Rio de Janeiro, principal fator que contribuiu para a perda do mercado e do poder econômico pernambucano. 
         Mas, apesar disso, Pernambuco nunca perdeu sua influência no nordeste e hoje mostra para o Brasil e o mundo o seu rápido poder de crescimento econômico, resultado de políticas para a melhoria da situação industrial e agrícola no estado além de, promover melhorias no sistema educacional, saúde pública e bem-estar, o que faz Pernambuco retomar o patamar de destaque econômico para o nordeste e para o Brasil. 
         Um bom exemplo disso é o complexo industrial de Suape, que ajuda a abrir as portas do mercado externo para os produtos oriundos de Pernambuco e do Nordeste. Sem falar nos produtos do sertão como os das cidades de Petrolina, Floresta, entre outras que foram beneficiados com técnicas de irrigação provinda das águas do rio São Francisco. 
         Por isso, Pernambuco está sendo mais respeitado e divulgado, pois, agora mais do que nunca ele impõe respeito e liderança, dando orgulho para os pernambucanos e mostrando o verdadeiro rugido do Leão do Norte. (Texto reproduzido na íntegra com autorização do autor.)


REDAÇÃO PRODUZIDA EM SALA DE AULA ABORDANDO O TEMA DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. TREINANDO PARA O ENEM/2012 
  
           Nos últimos anos, o desenvolvimento sustentável vem sendo uma questão bastante discutida, com isso o consumo sustentável vem sendo cobrado cada vez mais. Porém, muitos falam sobre o consumo sustentável, acham que apenas falar basta e acabam esquecendo do principal que é a prática. 
          A verdade é que, ainda não paramos para pensar que, o consumo exagerado das coisas vai nos trazer grandes problemas no futuro, pois precisamos acordar para a realidade que estamos vivendo e procurar levar à prática a sustentabilidade, começando pelas pequenas coisas. 
         Com isso, para que o consumo sustentável aconteça é necessário que todos nós comecemos a agir de forma consciente, consumindo apenas o necessário, reciclando o que for possível, evitando ao máximo poluir e não desperdiçar água, energia, comida enfim sem desperdícios e excessos. (Reproduzida na íntegra)

EXERCÍCIO – PRATIQUE REDAÇÃO 
PRODUZA UM TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO COM O SEGUINTE TEMA:

 “Por que causas o jovem tem se mobilizado atualmente no Brasil?”

Nenhum comentário:

Postar um comentário